Baixo nível dos reservatórios deve aumentar o custo da energia para os consumidores

Falta de chuvas provoca redução nos níveis dos reservatórios das hidrelétricas do Sudeste e Centro-Oeste, que respondem por mais da metade da energia do País. Entre maio e outubro, as duas regiões também enfrentam um período mais seco, sem perspectivas de chuvas significativas, o que pode agravar a situação.

O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico acompanha as condições dos reservatórios e tem se reunido regularmente para definir estratégias. O ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque, diz que entre setembro do ano passado e abril deste ano, os reservatórios receberam a menor quantidade de água dos últimos 91 anos.

Apesar dos níveis estarem baixos, ele descarta o risco de Apagão e informa que o governo vai adotar medidas excepcionais para garantir a segurança energética. Entre elas, acionar um número maior de usinas termelétricas, que produzem energia mais cara e, consequentemente, devem aumentar o valor da conta recebida pelos consumidores.

Rádio Itaperuna 96,9 FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: