Secretário da Saúde do RJ alerta para risco de quarta onda da covid-19: ‘possibilidade é real

O Rio de Janeiro vem registrando um novo aumento no número de casos confirmados de covid-19 desde o início de agosto. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no estado, no dia 31 de julho, era de 52%; o percentual nesta semana é de 67%. Analisando o mesmo período, as enfermarias tiveram evolução de 35% para 43%. Referente a este quadro, o secretário estadual de Saúde, Alexandre Chieppe, afirmou não ser possível caracterizar uma quarta onda, mas existe uma “possibilidade real” de que ela aconteça em função da variante Delta.

“Nós estamos vivendo um aumento do número de atendimentos e um discreto aumento do número de pedidos de internação. Ainda é prematuro caracterizar como uma nova onda, mas essa possibilidade é real principalmente em função da circulação dessa variante Delta, que tem uma capacidade de transmissibilidade maior do que variantes anteriores ou o próprio vírus original. Agora é observar os dados de perto para acompanhar e ver se essa tendência continua ou não”, afirmou.

Perguntado sobre o perfil dos pacientes internados, Chieppe afirmou que a maior parte das internações ocorrem em pessoas não completamente imunizadas, mas que o Estado também tem acompanhado um aumento no número de idosos já completamente vacinadas.

“A maior parte dos internados ainda são pessoas não totalmente imunizadas, mas estamos vendo um aumento da internação de pessoas completamente vacinadas… Isso já acendeu o sinal de alerta em função de uma possibilidade de uma perda da proteção ao longo do tempo”.

O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou na quarta (18), sem informar prazos, que o governo federal avalia a aplicação de uma terceira dose sobre idosos. Sobre o assunto, Chieppe afirmou que seria uma decisão acertada. “Eu considero que se essa decisão for tomada, ela será muito acertada. Mas ela cabe ao Ministério da Saúde, uma vez que as vacinas são disponibilizadas por eles. A gente aguarda essa definição. Sendo ela tomada, nós imediatamente vamos operacionalizar a medida”, disse.

O Diário do Noroeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: