Funcionária é suspeita de desviar quantia milionária de clínica em Cachoeiro

Mandados de busca e apreensão foram cumpridos na manhã desta sexta-feira (01) na residência da suspeita, uma mansão luxuosa.

Uma mulher de 30 anos, funcionária de uma clínica médica em Cachoeiro de Itapemirim, é suspeita de desviar mais de R$ 1 milhão da empresa. Mandados de busca e apreensão foram cumpridos na manhã desta sexta-feira (01) na residência da suspeita, uma mansão luxuosa.

A Polícia Civil (PC) informou que a operação conduzida pela Delegacia Especializada em Investigações Criminais (DEIC) da cidade está em andamento. “Informações adicionais serão disponibilizadas somente após a conclusão das diligências”.

Segundo informações iniciais, cinco veículos foram apreendidos, sendo três carros e duas motos, além de diversos documentos e outros itens.

O advogado da clínica médica, Fábio Marçal, declarou que o esquema foi descoberto durante uma troca de função da funcionária, que não queria entregar o celular da empresa utilizado por ela. Foi no celular que mensagens com pedidos para clientes realizarem parte do pagamento em dinheiro chamou a atenção. O procedimento solicitado pela funcionária não fazia parte da política da empresa.

Conforme destaca Fábio Marçal, “não houve prejuízos para os clientes. Os prejuízos foram com a clínica”. Isso porque o dinheiro recebido em espécie não seria repassado para a empresa.

“Esperamos que ele (médico proprietário da clínica) consiga recuperar ao menos uma parte desse dinheiro”, disse o advogado.

Neste primeiro momento de operações a suspeita não foi detida.

Jornal Fato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: