A relação entre doenças e emoções – Ana Aline Psicóloga – Tininho Blog

A relação entre doenças e emoções – Ana Aline Psicóloga

Existe a doença e existe a relação que se estabelece com ela. A forma como lidamos com esta é fruto da educação, podemos estabelecer uma relação onde a prolongamos, tornando-a mais intensa ou onde conseguimos perceber a comunicação que o corpo quer nos fazer ao permitir o desenvolvimento daquela doença.  Nossa saúde é um reflexo das nossas crenças e pensamentos.

Crenças são o conjunto de valores que nos são passados ao longo da vida ou formulados através de nossas próprias experiências. A força do pensamento atua tanto nas funções biológicas do corpo como no ambiente ao redor, um exemplo disso é que quando imaginamos que algo é ameaçador e sentimos medo, esse estado produz no corpo a adrenalina que estimula as funções biológicas deixando-o em alerta. Nossa mente atua no mundo exterior, de modo que se pensarmos que algo pode dar errado, podemos não conseguir realizar aquela atividade.

Os problemas não nascem na crise econômica, no trânsito, na violência, no chefe, no vizinho, no marido, etc. Apesar de tais situações nos trazerem problemas, a principal causa destes está dentro de nós mesmos, como reagimos aos acontecimentos com nossas emoções, nossos pensamentos e nossas crenças, e as emoções negativas ajudam a enfraquecer nosso sistema imunológico, possibilitando que a doença se instale.

Muitas vezes, a cura da alma vem através da doença do corpo, por mais paradoxo que isso possa parecer. A doença nos ajuda a mudar um comportamento e crenças que nem sempre são conscientes e estão nos fazendo mal, quando descobrimos o padrão mental que está por detrás de cada doença, temos a oportunidade de modificá-lo e de nos curar, o corpo fala, nos avisa quando insistimos nesses comportamentos que precisam ser mudados.

Gasparetto, L. Metafísica da saúde. Volume I. Editora Vida e Consciência, 2000.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: